Barra Mansa é um município brasileiro situado no sul do estado do Rio de Janeiro. Fica na microrregião do Vale do Paraíba, dentro da mesorregião do Sul Fluminense. Localiza-se na latitude 22º32'39" sul, longitude 44º10'17" oeste e altitude de 381 metros. Sua população estimada em 2016 era de 180.126 habitantes, de acordo com o IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

O município forma uma conurbação com as cidades de Volta Redonda e Pinheiral, possuindo em conjunto uma população de mais de 450 mil habitantes. Tem uma área de 547,196 km² e uma densidade demográfica de 324,94 hab/km². O centro administrativo e legislativo fica no bairro Centro. Nele estão localizados a Prefeitura e a Câmara Municipal. O centro judiciário fica no bairro Barbará, onde está situado o Fórum Municipal.

Em 1954 o distrito de Volta Redonda emancipou-se e, em 1991, foi a vez de Quatis, levando consigo os distritos de Ribeirão de São Joaquim e Falcão. Em 1993 a localidade de Antônio Rocha foi elevada à condição de distrito, assim como a localidade de Santa Rita de Cássia, em 2006. 

A sua população é composta por descendentes de imigrantes europeus (principalmente portugueses, italianos e espanhóis), mas também de franceses e alemães, além de uma dinâmica colônia sírio-libanesa, assim como também de ameríndios e de descendentes de africanos.

O município apresenta a segunda maior população da mesorregião Sul Fluminense, possui mais de 528 unidades industriais, um grande entroncamento ferroviário, rodoviário e fluvial. Situa-se em uma região privilegiada, próxima às três maiores metrópoles brasileiras: São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte. Está próximo também a centros econômicos regionais como São José dos Campos, Juiz de Fora, Petrópolis e Volta Redonda. Barra Mansa exibe uma renda per capita acima da média nacional, de R$ 13.956,15 e possui um Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) considerado elevado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento - PNUD, de 0,806 (ano 2000). É sexta no ranking de melhor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH-M) entre os municípios fluminenses. 

Barra Mansa possui um forte e tradicional centro comercial, vital para a economia do município. Entre os principais edifícios estão: Fazenda da Posse, Palácio Barão de Guapi, Parque Centenário e Ponte dos Arcos - principal cartão-postal que ganhou em 2014 destaque no centro da cidade, com a reprodução de seu desenho nas calçadas da Avenida Joaquim Leite e arredores. Os quatro principais rios que cortam Barra Mansa são: Paraíba do Sul, Barra Mansa, Bananal e Bocaina.

(Fonte: texto modificado da Wikipedia)